quinta-feira, abril 10, 2014

TERRA DO MEU ORGULHO

Mar largo. O vento canta. O navio estremece.
A alma de Frei Gonçalo erra sobre este mar...
Sírios, na proa, ao alto, o roteiro esclarece.
Brilha Vénus à ré. Começa a dealbar.

Sinto na boca impura o aroma duma prece.
O coração, ansioso, é um sino a repicar...
Céu e mar são um templo azul, que resplandece!
_De joelhos: São Miguel surge em seu verde altar!

Ó terra de meus pais! Arca do meu afecto...
Mais linda das que eu vi, de olhar saudoso e inquieto,
Buscando-te rival entre os jardins do mundo...

Terra do meu orgulho, e último bem que espero!
Mãe de Bento Góis e mãe de Santo Antero...
_Beijo, a alma de rojo, o teu ventre fecundo!
Raposo de Oliveira

4 Comments:

Blogger Ángel Azul said...

Fuerte abrazo desde Buenos Aires a un amigo portugués que me trae tantos y dulces recuerdos familiares.
Este es mi facebook
https://www.facebook.com/candy.gambino

4:24 da tarde  
Blogger Graça Pires said...

Não conheço o autor, mas parabéns por publicar aqui um português com orgulho do chão onde nasceu.
Abraço e Boa Páscoa.

11:55 da manhã  
Blogger Laura Santos said...

Um belo poema de um autor para mim totalmente desconhecido.
É sempre bom conhecer novos autores.
Receba os meus votos de uma Páscoa feliz.
xx

11:17 da tarde  
Blogger La Gata Coqueta said...



La Santa Pascua no es sólo una fiesta, sino es un día de celebración que también representa la paz, la serenidad, la armonía y el amor.

Hay alegría en nuestros corazones. Nuestro Señor ha resucitado en este día para traer la salvación al mundo.

¡¡Feliz Pascua de Resurrección para ti y familia,
que contigo también comparto!!

Un abrazo de luz
y amor universal.

Atte.
María Del Carmen



1:41 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home