quinta-feira, abril 11, 2013

O CANTO DOS CISNES...

Dizem que os cisnes cantam,
Só cantam para morrer...
Mas uma vez... outros cisnes
Cantaram para viver.

Foi num lago de águas mansas,
Águas puras, cristalinas...
Deslizaram como esp'ranças
Envoltas pelas neblinas.

Caprichos de amor são tantos,
Quem os pode compreender!...
Esta voz dos cisnes brancos
Ninguém a sabe entender!...

Em silêncio, mergulharam...
__Meu coração era o lago__
Como nuvens debandaram
Na aragem do meu afago.

Cisnes brancos __ lago azul,
Porque azul é a cor do Céu...
A brisa que vem do Sul
Tudo, em redor, envolveu.

Uma Princesa formosa
No lago se debruçou...
Logo o perfil duma rosa
Na água se desenhou.

Lago azul, parece um manto
Que tomaste a cor do Céu...
Ò cisnes __ o seu encanto
Até vos emudeceu!

Um sonho vi despertar
Nascido da esbelta flor...
Dois cisnes a deslizar
Felizes no seu amor.

Dizem-me que os cisnes cantam,
Só cantam para morrer...
Os meus cisnes quando cantam,
Só cantam para viver.

Os cisnes eram teus pés,
O lago __ meu coração...
Ninguém sabe quem tu és,
Princesa desta canção.

Não digam que os cisnes cantam
Num adeus para morrer...
Os meus cisnes quando cantam,
Cantam para adormecer!

Rogério Òscar da Mota Correia

5 Comments:

Blogger Cristina said...

Una dulzura, el canto de tus cisnes!
Un placer leerte, te dejo un fuerte abrazo!

2:41 da manhã  
Blogger elvira carvalho said...

Encantador!
Um abraço e bom fim de semana

5:50 da tarde  
Blogger La Gata Coqueta said...



Hoy me he levantado
con el firme propósito
de dar gracias a Dios,
por permitirme conocer
a personas tan maravillosas
como lo eres tú.

Un fuerte
y excepcional abrazo,
para recibir el fin de semana
con radiante alegría,
de parte de esta
tú incondicional amiga.

Atte.
María Del Carmen


1:58 da tarde  
Blogger La Gata Coqueta said...



El amanecer ha abierto sus puertas,
como pétalos en flor a una nueva semana,
para compartir el amor y la armonía
con los amigos donde tú eres unos de ellos...

Un abrazo de aromas
que siempre emanan
su característica esencia...
...el entendimiento y la comprensión.

Atte.
María Del Carmen


11:00 da manhã  
Blogger Roger Albuk said...

Autoria de meu falecido pai (1991). Onde o foi encontrar?

12:38 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home