sábado, dezembro 01, 2007

A CARTA

Vem o carteiro além, ao fim da rua.
_É carta que me envias, com certeza.
Dissipa-se esta nuvem de tristeza
e um outro ar junto de mim flutua !

Tão devagar ! Mas que demora a sua !
Esperar ! Que ansiedade e que incerteza !
Já estou a ver a tua letra inglesa
e que aos meus olhos tanto se insinua.

E o carteiro? !... Onde está?... Já não o vejo !
Lá vem ele outa vez: __Mais um lampejo
a acariciar o meu mortal anseio.

Chega, enfim ! Coração, porque te espantas?
Só espero uma carta e vêm tantas !
....................................................................
E, afinal, só a tua é que não veio !

Espínola de Mendonça

56 Comments:

Blogger Luisa said...

Gostei muito deste poema. Houve alturas da vida em que o carteiro era a pessoa mais desejada...Agora com os mails tudo mudou...

Hoje o blogger não apresenta a opção "outro" para eu poder comentar como a Luisa dos ecosdotempo.

5:04 da tarde  
Blogger pentelho real said...

é triste, mas é lindo. e eu, que sou uma romântica, gostei muito. não conhecia. obrigada.

5:48 da tarde  
Blogger Bichodeconta said...

Pois amigo, é que agora quando o carteiro chega , quase só trás as contas para pagar.. Bonito poema, parabéns..um abraço, ell

5:53 da tarde  
Blogger vsuzano said...

que posso eu fazer ? escrever-te a carta do meu amor ?
Não o posso fazer, arddia pelo caminho...

abraço

6:24 da tarde  
Blogger poeta_silente said...

Um e-mail enviado e que não foi respondido... decerto o destinatário estava esperando o e-mail do seu amor e ele não chegou... deixou-se, então, abater. E percebeu-se amando demais a quem, antes, não sabia que amava tanto.
Muitas histórias são assim, não é amigo?
Mas, na realidade, a quem ele amava? A quem lhe dirigia palavras diárias ou de quem recebia e-mails diários?
As vezes precisamos estar em situações difíceis, tais como esta carta que não chega, para entendermos que esta é a carta que esperamos a vida inteira e não nos apercebemos a tempo.
Mas nunca devemos perder a esperança. Porque na humildade encontramos a resposta para tudo.
Deus te abençoe.
E que chegue a carta pelas mãos de Deus.
Beijos
Miriam

7:22 da tarde  
Blogger Silvia Madureira said...

Perdeu-se um pouco este espírito de escrever cartas...embora se escrevam cartas desta forma que estou agora a fazer.

Esperar por uma carta é angustiante...mas quando se está perto de a receber o coração quase que sai pela boca.

Quando se ama a pessoa da nossa vida assume o papel principal da carta da nossa vida.

beijo

7:56 da tarde  
Blogger Alice Matos said...

A carta que nunca chega... recordo a minha mãe aguardando carta do meu irmão que fazia a tropa em Angola...

Hoje... aguardo o mail...

Um beijo carinhoso...

9:51 da tarde  
Blogger http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt said...

uma carta. já esperei por muitas e muitas nao chegaram a vir :(
hje deixo um video e um poema pa um amigo k está longe
+______088880____0____0____088880
+____088888880___00__00___088888880
+___088888888880__0__0__088888888880
+___088888888880___00___088888888880
+____088888888880______088888888880
+____0888888888880_00_0888888888880
+_______0888888880_00_0888888880
+______08888888880_00_08888888880
+____0888888888880_00_0888888888880
+___08888888888880_00_08888888888880
+____0888888888880_00_0888888888880
+______08888888880____08888888880
+________08888880______08888880
+__________0880__________0880
+___________00____________00

*´¨)
¸.*´¸.*´¨)¸.*¨)
(¸.*´ (¸.*` * Beijos...
carla granja
bom fim de semana

10:26 da tarde  
Blogger Susana B. said...

Vim agradecer a visita e conhecer o seu blog. Gostei e vou voltar. Muitos parabéns.

Um abraço.

Susana B.

12:24 da manhã  
Blogger Susana B. said...

De propósito...venho deixar o também o meu obrigado pela visita e retribuir o desejo de muita felicidade. :) Abraço. Susana.

12:27 da manhã  
Blogger Betty Branco Martins said...

____________é






o carteiro






por vezes tráz tudo________







menos






aquela______________carta






beijO c/ carinhO

5:03 da tarde  
Blogger Abril Lech said...

Eu tamben estou
esperando o carteiro
mais ele nao llega...

6:33 da tarde  
Anonymous ecosdotempo said...

Obrigada pela visita à "tenda do Kadafi" e pelos sensatos comentários que deixaste.

7:04 da tarde  
Blogger lágrimas de mar said...

te dejo todo mi cariño y mi agradecimiento por todas tus visitas

besos para tí

lágrimas de mar

9:09 da tarde  
Blogger karla said...

a carta!.. :)
hj é mais email, telemóvel... a tradição foi substituida pelas novas tecnologias... no entanto, a carta, não deixa d ter o seu encanto...

beijinhos

1:32 da manhã  
Blogger claudia said...

só espero una carta...
ayyy y no viene nunca!

un abrazo manuel, gracias siempre por tus palabras

beijos!
claudia

5:25 da manhã  
Blogger fgiucich said...

Qué emocionante eran aquellos tiempos en que esperar al cartero se convertía en una aventura y en un mundo de ansiedad!!! Abrazos.

10:48 da manhã  
Blogger Noelia said...

una carta mi amor solo una carta, que me cuente detalles de tu vida, la gente que conoces, los sueños que te habitan, y me recuerde el llanto de nuestra despedida ...
Es una canción.

Hola Manuel:
Que hermoso poema, hasta que por fin, buscando y buscando volvi a encontrar tu lugarcito, Querido Amigo, vengo a agradecerte tus hermosos mails, es incleible como sueño con esas fotos, deseo algún dia estar ahí, gracias y muchas gracias, seguire pasando por aquí
espero que este muy bien.

Muito beijos

2:33 da tarde  
Blogger Mary said...

Belo poema e também tão real nas lembranças ou no momento presente.

Aquela carta que se esperou!

Quantas vezes o sorriso de uma quase cumpicidade,quando o carteiro sabia que trazia uma carta "especial"

Outras não chegaram ,ficaram por escrever ou por ler...

Das que virão??
Sejam um dia, aquela "carta" que com maior ou menor (im)paciência, aguardamos.

Tdo de Bom
Um Abraço,
MªJ.

3:04 da tarde  
Blogger kukilin said...

Muy bonito el poema, pero ya no se espera al cartero con tanta ansiedad, muy por el contrario, pues solo traen cuentas que pagar...
Besitos mil Manolito.

4:41 da tarde  
Blogger Olhos de mel said...

Oie Manuel! Quantas vezes ficamos assim mesmo? Esse poema é tristinho, mas muito lindo! Eu também já esperei muito tempo, uma carta que nunca chegou.
Boa semana!
Beijos

5:21 da tarde  
Blogger pin gente said...

que desilusão!

abraço
luísa

6:25 da tarde  
Blogger Bruxinhachellot said...

Lindo poema! A ansiedade a espera de uma mensagem, verificar a caixa de correio todos os dias e depois verificar que não há o que desejamos é frustante.

Beijos brancos.

6:37 da tarde  
Blogger elvira carvalho said...

Gostei do poema. Tantas vezes acontece que todos nos falam, nos escrevem, nos visitam, e aquela pessoa que é para nós A ÚNICA, essa nada diz, não se vê, é como se desaparecesse do mapa.
Um abraço, uma boa semana

6:38 da tarde  
Blogger ♥≈Nღdir≈♥ said...

São desilusões...
Vieram tantas menos a tua...
Beijos

9:45 da tarde  
Blogger blogdaro said...

Saudades de vir aqui, hj vim matar um tico da minha ausencia...Te deixo um beijo carregado de carinho e o desejo de uma semana bem especial
Rô - sensualidade & Atualidade

1:50 da manhã  
Blogger Entre linhas... said...

Por vezes a espera torna-se num estado de inquietude,mas receber uma carta é um momento maravilhoso.
Bjs Zita

2:23 da tarde  
Blogger GABRIELA......... said...

hola
que lindo poema me encanto
un beso para ti

2:37 da tarde  
Anonymous Célia said...

Ola Manuel, como vai ?
Agora temos celular, telefone, internet, as cartas ficaram tão distantes de nossas portas.
Pena porque eram momentos tão esperados pelos namorados.
Abraços
Célia

2:38 da tarde  
Blogger MANDALAS POEMAS said...

Hola, que placer es llegar a tu sitio. Es todo un oasis para la mente. Te felicito y te invito a que visites mi espacio:

www.mandalaspoemas.blogspot.com

Desde Barranquilla, Colombia, te envío un caluroso saludo.


Víctor González Solano

9:26 da tarde  
Blogger Azul said...

Las cartas siempre nos llenan de sentimientos contradictorios de emociones perdidas o encontradas.

Bikos mil!

10:57 da tarde  
Blogger Freyja said...

cuantas veces hemos esperado al cartero con esa carta, que traiga buenas o malas noticias
me gustan los carteros, siempre tienen una sonrisa cuando entregan una carta
querido amigo, gracias por tus hermosos saludos y compañia en Lagrimas, lindas tus palabras amigo
mil disculpas si no te he visitado antes, pero he estado enferma y estoy luchando mucho y dandome animo, por eso voy lentamente contestando los saludos y saludando a los amigos a medida que puedo
te dejo muchos cariños y deseo que estes muy bien amigo
mil besitos y mil gracias


besos y sueños

1:19 da manhã  
Blogger SAM said...

Lindo..lindo! A maturidade muito me acrescentou em romantismo. Tão singelo e tão verdadeiro...

Beijos

11:26 da manhã  
Blogger Ana R said...

Una espera ansiosa poetizada sublimemente.

Un abrazo

6:18 da tarde  
Blogger Menina do Rio said...

Hoje esperamos por email, mas a ansiedade é a mesma!
beijos

6:40 da tarde  
Blogger Silvia Madureira said...

Convido à visita do post intitulado "Carolina" no meu blog.

beijo

9:30 da tarde  
Blogger minds said...

Muito bonito!!!!

bjs

10:22 da tarde  
Blogger serenidade said...

Tanto queremos que chega a carta de nosso amor, que nenhuma outra colmata aquela que não chega....

Um colorido fds.

Serenos sorrisos

4:06 da tarde  
Blogger Maria Cristina said...

Las cartas siempre crean esa magia especial que el email hasta ahora no consigue, es totalmente diferente poder leer un carta hecha a mano que un email, gran post y un abrazo grande para ti

11:14 da tarde  
Anonymous www.intimomisterio.blogs.sapo.pt said...

por vezes é melhor nao esperar...esperar pelo que nao vem...magoua!

Não sei o que é mais gostoso:
E expectativa e a ansiedade
da ante-véspera do amor,
O colorido e o abandono
do momento cósmico do orgasmo
ou a lassidão e os espasmos de prazer
no repouso de teus braços.

beijocas na boxexa
Bom fim de Semana
Arte de Amar

12:04 da tarde  
Blogger Olhos de mel said...

Oie Manuel! Passei pra lhe ver e desejar um bom final de semana!
Beijos

8:12 da tarde  
Blogger Clitie said...

Como vou estar fora na época de festas, passei para desejar Um Feliz Natal e um Bom ano Novo.

Deixo ainda o convite para uma visita à Loja da Sasha Cores em www.sashacores.isgreat.org

Beijinhos

10:49 da manhã  
Blogger Clitie said...

Como vou estar fora na época de festas, passei para desejar Um Feliz Natal e um Bom ano Novo.

Deixo ainda o convite para uma visita à Loja da Sasha Cores em www.sashacores.isgreat.org

Beijinhos

10:49 da manhã  
Blogger Bettina Perroni said...

Manuel,

Tengo una carta que escribir que aún va a medias...tengo otras cartas que nunca fueron entregadas... unas escritas en tinta negra,...


Te mando un fuerte abrazo deseándote un feliz fin de semana :)

7:43 da tarde  
Anonymous amordemadrugada said...

Lindíssimo! Gostei tanto!
abraço

9:08 da tarde  
Blogger andorinha said...

Como umas palavras escritas podem transformar em dia de sol, o mais triste nevoeiro.
Gostei de conhecer um poeta que nunca tinha lido.

12:44 da manhã  
Blogger Sophiamar said...

A poesia, a nossa paixão, a vida, o sonho, tudo o que um homem quiser.

Beijinhossss

9:31 da manhã  
Blogger Olhos de mel said...

Oie meu amigo lindo! Passei pra lhe ver, desejar um bom domingo e uma semana maravilhosa!
Beijos

11:44 da manhã  
Blogger Je Vois la Vie en Vert said...

Tenho um desafio para ti no meu blog :
Vamos fazer uma cadeia bloguistica a favor dos direitos do homem, numa contagem decrescente até ao dia 10, dia em que se comemora a carta de declaração dos direitos do Homem.
Beijinhos verdinhos de esperança para ti e para todos os seres que sofrem.

1:52 da tarde  
Blogger Felipe Fanuel said...

Olá Manuel,

Carta é antes de tudo uma mensagem direcionada a alguém. Essa aí é direcionada a todos nós!

Grande abraço.

3:33 da tarde  
Blogger O Quarto da Lua said...

Chegou a minha. Vai lê-la e gostarás do conteúdo.
Um abraço

9:47 da tarde  
Blogger JRL said...

um blogue muito completo e interessante. voltarei.

10:44 da tarde  
Anonymous mensageira said...

Bem, este poema é lindo, apesar de triste. Pela sua simplicidade, pela mensagem transmitida.

Um beijo.

www.memoriasecretas.blogs.sapo.pt

9:02 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Lindo soneto que aqui deixas...
Toda a verdade da espera!!...
e quem espera, desespera!! lá diz o ditado...
Olha este é dos ultimos que tens postado um dos que acho mais belo!!!talvez porque cartas sempre me foram muito queridas ao longo dos anos...
Cá deixo uma respostinha simples, como simples é a minha passagem...

SOPINHA QUENTE

Uma das vezes simples pergunta
outras vezes simples resposta
sopinha de letras bem temperada
alegria,ternura,tristeza ou mágoa
faz o pobre coração sofrer à toa
da espera que tanto magoa!
Mas...
Eis da vinda do carteiro,a chegada:
e depois...depois um pouco a medo
como que abrindo um segredo
salpicando a ternura de um afago
devora-se, bebida de um só trago...
Mas depois,logo depois,sem respirar
saboreando,cacho de uva bago a bago
procura-se no meio do doce sabor
toda a magia que é do sonho,o Amor!
E na alma quente de toda a gente
quem é que aqui, o não sente!?
Ah,o calorzinho "daquela sopinha quente"!!!

E que bem sabe no Inverno, em que o frio se insinua e a alma por vezes se sente tão nua...

Beijinhos Manuel e uma boa semana

3:44 da tarde  
Blogger jasmimdomeuquintal said...

Gostei do poema. também espero uma carta à imenso tempo; não chegou sei que não chegará, mas memso assim, continuo a fazer de conta que chega.

9:09 da tarde  
Blogger freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

3:54 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home