quarta-feira, setembro 26, 2007

IDÍLIO

Dois suspiros... dois olhares
Uma carta e uma flor...
Duas almas que se unem,
Nasce um romance de amor!

Tem um começo risonho
A vida de muitos lares...
Pois são raízes de um sonho
Dois suspiros... dois olhares...

Depois... há juras trocadas
Com emoção e calor...
E as duas provas sagradas:
Uma carta e uma flor...

_Dois sentimentos se enlaçam,
Dois afectos se reúnem;
Dois corações que se abraçam,
Duas almas que se unem...

E de tão doce aventura
_Feita de encanto e ardor_
Fica um mundo de ternura,
Nasce um romance de amor!

Mário Pissarra de Almeida

49 Comments:

Blogger Palavras ao vento said...

Querido amigo,

Deixas- me sempre desarmada com a poesia e os poetas que escolhes!

Sinceramente... um poema de amor muito belo!

Voltarei para o ler... Com mais atêncão!

Beijos da

Maria

7:06 da tarde  
Blogger marie.l said...

belle soirée à toi Manuel. Bisous !

7:21 da tarde  
Blogger Fernanda e Poemas said...

Olá Manuel, amigo deixas-me sem palavras quando leio a poesia escolhes.
Muitos beijinhos,
Fernandinha

7:22 da tarde  
Blogger Martinha said...

É assim que "Nasce um romance de amor!"
Muito bonito! :)
Beijo *

10:21 da tarde  
Blogger Rhiannon said...

Ao ler este poema lembrei-me de uma canção: Bodas de Prata. Maria Bethânia canta-a.

"Beijando seus lindos cabelos que a neve do tempo marcou
Eu trago nos olhos molhados a imagem que nada mudou
Estavas vestida de branco sorrindo e querendo chorar
Feliz, assim, olhando para mim
Que nunca deixei de te amar "

10:57 da tarde  
Anonymous Célia said...

Manuel, como vai ?
Um tempo de primavera em São Paulo, mas com muito frio e sem chuvas por aqui.
Momento a dois com um bom vinho é sem tudo de bom.
Abraços
Célia

11:19 da tarde  
Blogger Azul said...

Dos sentimientos enlazados a la poesía que comparte, amor y ternura.

Bikos.

11:44 da tarde  
Blogger MARIA said...

Nada pode ser mais extraordinário que a união verdadeira de duas almas.
É quase como se o homem assumisse um pouco da natureza divina, dona do amor pleno e absoluto.
Belíssimo Manuel.
Um bj
Maria

2:12 da manhã  
Blogger claudia said...

qué hermoso manuel...
es un sueño, ojalá me despertara en él, alguna vez

gracias por tan bello poema

un beso y un abrazo!

7:16 da manhã  
Anonymous Olhos de Mel said...

Hum... que lindo viu? Fica um mundo de ternura, nasce um romnce de amor! Precisa mais?
Beijos

12:17 da tarde  
Blogger Ángel Azul said...

Querido amigo, he cumplido con tu pedido. Puedo leer el portugués pero no lo escribo, espero que nos comprendamos.
Un abrazo.

3:43 da tarde  
Blogger mi despertar said...

manuel hermoso lo que escribiste
besos alados

4:03 da tarde  
Blogger Candela said...

Um suspiro, uma flor, juramento, duas almas... ¡uma história de amor!

Com tão pouco, com coisas tão singelas.

Sei feliz.

Um beijo

7:44 da tarde  
Blogger Silvia Madureira said...

Que pena quando as histórias de amor não são tão simples como a que é descrita! Mas...eu vou acreditar que a minha será profunda e sincera como a deste poema.
Beijo

8:29 da tarde  
Blogger MalucaResponsavel said...

Este poema hj fez-me mal... :( bj

9:40 da tarde  
Blogger Ángel Azul said...

Gracias Manuel. Estuve en lo de Sophia y ha sido maravilloso.
Como a ella te dejo mi pequeño secreto, mi otro lugar donde pierdo el anonimato
http://espacioimaginario.spaces.live.com/

10:16 da tarde  
Blogger kukilin said...

Siempre regalándonos tantos preciados poemas llenos de ternura y AMOR...
Muchos besos querido Manuel.

10:51 da tarde  
Anonymous carla granja said...

Duas almas que se unem,
Nasce um romance de amor!
adoro esta parte do poema , todo ele tá um espectáculo. é um poema que deixa uma paz do principio ao fim parabéns. eu acabei de postar um com alguma loucura :) se kiseres vem lêr. bjo
carla granja

11:16 da tarde  
Anonymous carla granja said...

olá! de novo. olha acabei de fazer um poema novo se kiseres passa por cá e me diz se gostas deste poema :) é muito louco:)
bjo
carla granja

11:36 da tarde  
Blogger ♥≈Nღdir≈♥ said...

Continuo em recuperação da cirurgia que sofri, mas mais calma agora que regressei a casa após ter estado 2 semanas ausente.
Ainda me encontro um pouco atordoada, mas aos poucos vou regressando, hoje ao retornar ainda me fogem as palavras… por isso desejo apenas um bom fim de semana
••. ¸.♥ Beijos ♥ ¸.• ♥≈Nღdir≈♥

12:08 da manhã  
Blogger Sol da meia noite said...

Por aqui passei e adorei este poema.
É algo com que sonhamos... algo que tentamos alcançar...

Beijinho!

12:09 da manhã  
Blogger fgiucich said...

El idilio es siempre motivo para escribir un bello poema. Abrazos.

1:32 da manhã  
Blogger http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt said...

OLÁ! BOM COMO GOSTASTE DO MEU POEMA ANTERIOR ACHO K TMB DEVES DE GOSTAR DESTE K SE CHAMA AMOR E GELO.) ACHO K ESTE EXAGEREI :) BJO
CARLA GRANJA

2:36 da manhã  
Blogger Ana said...

Além da qualidade dos poemas , o facto de desconhecer a maioria dos poetas que publicas, é o motivo do agrado com que sempre te visito.
Obrigada por dares a conhecer aqueles que o merecem.
Um beijo.

2:45 da manhã  
Blogger poeta_silente said...

Olá, Manuel.
Meu tempo anda tão curto que não consegui andar por aqui antes.
Belo poema. Lindo, mesmo. Pleno de amor e ternura.
Um dia, meu querido, um dia vou poder dizer que nasceu o meu romance de amor. Sei disto. Pois quando temos uma carta e uma rosa... quem nos poderá segurar?
Deus te abençoe.
Beijos ternos
Miriam

3:30 da manhã  
Anonymous lully, Reflexiones al desnudo said...

A felicidade acontece através de meu espaço ao despido amou o português do amigo.
Eu emito-lhe o bom para andar completamente da felicidade.
Besitos para acariciar tu alma noble!

4:22 da manhã  
Blogger mar said...

Que bonito..por cosas como esta por leerlas y sentirse bien merece la pena dar este paseito hacia tu blog.
Un besito.Mar

10:23 da manhã  
Anonymous Sônia said...

Que meigo...muito lindo!



Bom dia!

11:51 da manhã  
Blogger Sophiamar said...

Excelentes escolhas as tuas, Manuel.

Deixo-te beijinhos e desejo-te um fim de semana calmo, alegre, pacífico...

tendo por companhia os mais belos poemas.

4:43 da tarde  
Blogger lágrimas de mar said...

lo siento, no entiendo portugués, pero quiero agradecerte tu regalo con un beso

lágrimas de mar

5:00 da tarde  
Blogger minds said...

Obrigado pelos komments no meu blog... e um excelente fim de semana

5:14 da tarde  
Blogger elvira carvalho said...

Lindo poema. Cheio de ternura. Fiquei encantada. Uma óptima escolha.
Um abraço e bom fim de semana

7:36 da tarde  
Blogger sveronica said...

Duas juras, dois suspiros...dois olhares, um amor...

Como sempre tu nos encanta Manoel!

beijinhos

8:08 da tarde  
Blogger Professorinha said...

E muitos passam a vida à procura diso mesmo... uma alma que se encaixe coma nossa...

Fica bem

9:01 da tarde  
Anonymous isabella benicio said...

Tão simples, tão doce, tão belo.
Bom fim de semana pra ti, Manuel. Beijo.

12:54 da manhã  
Blogger Palavras ao vento said...

Venho reler o poema... E desejar- te um bom fim de semana.

Beijinhos meu amigo

Maria

1:06 da manhã  
Anonymous ciloca said...

Que lindo é o amor. Vou aqui deixar um segredo meu::será só meu?? Gostaria de sentir todos os dias aquele sentimento que aperta o peito e dá felicidade,o amor e a sua ansiedade . felismente revivo em sonhos e mato saúdades de estar apaixonada.

3:16 da tarde  
Anonymous Barão Van Blogh said...

Um bom momento de poesia .

"...Na água do mar sem pudor
Nu mergulhar tão lento ..."

Bom fim de semana .

4:43 da tarde  
Blogger Alice Matos said...

Querido Manuel...
Quantos belos romances de amor nascem assim... incógnitos entre iguais... tão vulgares... tão especiais...

Beijo grande...

4:58 da tarde  
Blogger Entre linhas... said...

É sempre salutar ler poemas com tão grande qualidade...
Desejos de um óptimo fim de semana
Bjs Zita

5:53 da tarde  
Anonymous anne said...

Lindo, ternurento este poema de amor, Manuel. É assim mesmo que nasce um romance de amor e eu ameiiiiiiiiiiiiiii a tua escolha.
Bjos

12:56 da manhã  
Blogger Laura said...

Pois Manuel, boa tarde para ti que não conheço ainda, mas quando li fazendas de Almeirim, e tenho lá uma amiga minha vizinha de Luanda, muito, muito amiga que já não vejo há 33 anos, e com quem falei recentemente ao telefone, estou morta para ir abraçá-la, mas ainda não deu...ela morava nas casas ao lado do prédio onde eu estive em sonhos...

O nunca é tarde também é uma frase sonhada, mas que nunca se vai realizar, enfim, é a vida, façamos por andar aqui da melhor das maneiras, com alegria no olhar e que esconda o que bem lá no fundo, nunca havemos de mostrar.
Linda poesia e nem todos os amores acabam assim, ficam pelo caminho...
beijinho grande, de mim...

12:28 da tarde  
Anonymous ©õllyß®y said...

Nada pode ser mais belo que a união de dois seres que se amam...

Doce beijo

6:22 da tarde  
Blogger Maria Faia said...

Olá Manuel,

Venho agradecer a sua visita ao Querubim Peregrino e desejar-lhe uma excelente semana.

A propósito das palavras que me deixou, veio-me à memória á pergunta: O que é a felicidade? Acaso Existe?!...

Um abraço
Maria Faia

9:01 da tarde  
Blogger elsa nyny said...

venho convidar-te a escrever uma CARTA POR DARFUR!
http://eu-estou-aki.blogspot.com

bjts

10:32 da tarde  
Blogger Barbarita said...

Cuantos idilios comenzaron con sólo una linda carta y una hermosa flor?

Me imagino que una cantidad desbordante...

Saludos cariñosos!
este blog es poesía pura!

=)

12:38 da manhã  
Blogger Olhos de mel said...

Oie meu amigo lindo! Passei pra deixar beijinhos e votos de uma semana feliz!

5:04 da manhã  
Blogger pin gente said...

nasce e cresce

4:24 da tarde  
Blogger freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

3:57 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home