terça-feira, janeiro 16, 2007

A VIDA


Levo a vida a trabalhar
a ela tenho amor e fé.
Penso e não sei desvendar
como a própria vida é.

Ela passa velozmente...
por vezes custa a passar.
Por ela me fazer frente
levo a vida a trabalhar.

Não lhe conheço a razão,
sou na vida um bébé.
Nesta pura ilusão
a ela tenho amor e fé.

Vejo o mundo a meter medo
num intuito de matar.
Nesta vida em segrêdo...
penso e não sei desvendar.

À boa maneira de ser
quero eu estar ao pé,
mas nunca chego a saber
como a própria vida é.

Luís Afonso dos Santos

4 Comments:

Blogger Maria said...

A vida é o que nós quisermos.
No entanto, só no fim é que sabemos como foi...
Um abraço

5:15 da tarde  
Blogger Isa said...

Lindo poema!

É impressionante como um poema consegue dizer tanto da vida de uma pessoa!

Um abraço!

P.S. consegui escrever com as letras todas!! :D :D

**Isa**

6:54 da tarde  
Blogger Freyja said...

Manuel

hermosos versos que logran decir tanto
mil besitos y cudiate



besos y sueños

12:49 da manhã  
Blogger freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

4:18 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home